Graduação em Campo – balanço

O Seminário Graduação em Campo de 2011, em sua décima edição, teve 89 trabalhos inscritos, de 123 pesquisadores, tendo sido aprovados 77 de 103. Origem: 28 universidades brasileiras, sendo 13 da Região Sudeste, 6 (Nordeste), 4 (Centro Oeste), 4 (Sul) e 1 (Norte), não contando os participantes sem trabalhos inscritos. Acessos pela internet, no período entre 05/09/a 09/09: total 3.830; média diária: 766. Pico de acessos no dia 06/09: 923.

Gostaria de agradecer a todos que colaboraram para a realização do evento, em especial aos professores que ministraram os mini cursos – Vagner Gonçalves, Ana Lucia Pastore, Ana Cláudia Marques, Heitor Frúgoli, Heloisa B. Almeida. Um agradecimento também aos funcionários do Departamento pela valiosa assistência. E quero fazer uma menção especial ao alunos da pós-graduação que participaram como debatedores nas mesas e open spaces: Ana Leticia Fiori, Jacqueline Teixeira, Renato Soares, José Agnello Andrade, Mayã Martins, Carlos Filadelfo de Aquino, Michele Escoura, Rosenilton Oliveira, Denise Moraes Pimenta, Enrico Spaggiari, Natália Fazzioni, Paulo Menotti, Bruno C. Barbosa, Ane Talita Rocha, Diana Paola Gómez, Luciana Wilm: os participantes sentiram-se valorizados pelo fato de terem seus papers e resumos lidos e comentados com cuidado por pós-graduandos de Antropologia da FFLCH/USP. Obrigado a todos.

José Guilherme C. Magnani
Coordenador do NAU


Trabalhos de 28 universidades, das 5 regiões do Brasil, divididos das seguinte forma:

  • 13 da Região Sudeste;
  • 6 da regão Nordeste;
  • 4 da região Centro-Oeste;
  • 1 da região Norte;
  • 4 da região Sul.

    Inscritos:

    • 123 pesquisadores
    • 89 trabalhos

    Aprovados:

    • 103 participantes
    • 77 trabalhos